Conteúdo B2B não precisa ser chato


Talvez o feedback dentro da “bolha” tente te convencer que é preciso de uma tese acadêmica em cada publicação. O B2B costuma ser bem específico e escrito para satisfazer um público restrito, mas, acredite, não precisa ser chato. Confira algumas formas de deixar os textos mais atraentes:


🎯 VÁ DIRETO AO PONTO


Nem sempre um texto pode ser leve, mas ler não precisa ser um trabalho árduo. Peças industriais são peças industriais. Normalmente, quem está lendo já sabe quase tudo sobre tal peça. Então, seja direto.


💡 VENDA SOLUÇÕES


Alguns produtos parecem bem sem graça, não é mesmo? Então, pare de tentar vendê-los. O seu conteúdo é sobre coisas ou sobre pessoas e o que elas podem fazer com essas coisas? Todo produto “chato” é uma grande solução para alguém.


🤩 SEJA INTERESSANTE


Humor, cor, sabor... Se você acha que nada disso parece profissional quando estamos falando com compradores ou representantes de grandes empresas, lembre-se de que profissionalismo não é definido por um tom de voz - sério, formal e acadêmico - mas pela eficácia com que o trabalho é feito.


Então, Thinker, agora é deixar a criatividade fluir e focar no que realmente pode ser interessante para o seu leitor. 🤙🏻


Sem tempo para criar? A equipe Thinking é especialista em publicações B2B para redes sociais.


➡️ Clique aqui e entre contato para saber mais.